RSS

Suas retinas

09 Set

talita

Trago em minha boca
o seu beijo úmido,
e este perfume no corpo
de peles que se misturam.

Desviro a minha alma
em busca de outros rumos,
caminhos não percorridos
que ainda me procuram.

Crio asas pra voar,
mas suas pegadas me aparam.
Sou nômade dos teus gestos,
cárcere das tuas entranhas.

Ouso partir sem te levar
e noto em passos ofegantes
que você é meu lugar,
o espaço que aprendi caminhar.

Procuro frestas em suas retinas
como as manhãs entre as cortinas
e vejo a vida em seu olhar
me mostrando onde pulsar.

 
 

Etiquetas: , , , , , , ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: