RSS

Discurso de tolos

03 Nov

R

Um homem faz por suas mãos
o que lhe é hábil poder fazer.

…diz de sua boca o que aprendeu a falar,
ouve o que soube escutar,
leva no peito o que suas paixões
ensinaram-lhe a sentir,
até que nele o destino se revele.

O resto é tagarelar…
Cegos discursando paisagens,
tolos que não sabem se calar
condenando o que não poderia mudar.

Não se escolhe como agir,
reage-se à sua condição.
Não se contraria ao que se é,
aquieta-se o coração ao sonhar.
Não se perde o rumo pelas estradas,
molda-se à sua natureza ao caminhar.

 
2 Comentários

Publicado por em 03/11/2013 em estar no mundo, POESIA

 

Etiquetas: , , , , ,

2 responses to “Discurso de tolos

  1. Adriana Caribé Nunes Marques

    23/11/2013 at 8:00 PM

    Oi Marcos, acabei de ler uma das suas poesias. Estou reunindo poesias pra fazer um mural de poesias no meu aniversário. Gostei da sua. É possível usar? Grata. Adriana.

     
    • marcosstavaress

      23/11/2013 at 10:45 PM

      Sim, é claro! por favor cite o nome e se possível o endereço da web

      beijos

       

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: